Jairo Marques

Assim como você

 -

Jairo Marques, que é cadeirante, aborda aspectos da vida de pessoas com deficiência e de cidadania. Aqui, você encontra histórias de gente que, apesar de diferenças físicas, sensoriais, intelectuais ou de idade, vive de forma plena.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Cartilha gratuita orienta ‘malacabadinhos’ sobre a hora de fazer xixi e cuidados com a bexiga

Por Jairo Marques

Uma série de pessoas do universo das deficiências físicas acaba por ter comprometimento das faculdades mictórias… ou seja, deixam de controlar a bexiga, não conseguem ao certo saber a hora de dar uma aliviada, fazer um xixo.

Em adultos, uma série de técnicas é ensinada e aprimora-se as táticas de perceber que é hora de aliviar o joelho… 😎

Porém, em crianças, por exemplos aquelas que nascem mielomeningocele (má-formação congênita da coluna vertebral), têm mais dificuldade de entender a necessidade de seguir à risca as formas de aliviar o xixi, o que pode causar a elas infecções e outras complicações no aparelho urinário.

Com vistas para essa questão, o povo do curso de enfermagem da Unesp de Botucatu, uma das mais importantes universidade do país, desenvolveu uma cartilha, com dicas e informações bem básicas, no intuito de situar os pequenos malacabadinhos nos cuidados que vão necessitar para terem bem-estar e fugirem de problemas de saúde.

Na imagem, a capa da cartilha, com um garoto  (Juca) voando em sua cadeira de rodas e observando a bexiga
Na imagem, a capa da cartilha, com um garoto (Juca) voando em sua cadeira de rodas e observando a bexiga

Como já escrevi há tempos, pessoas com a chamada bexiga neurogênica precisam usar um “canudinho”, a sonda urinária, para liberar o xixi. A técnica precisa ser muito bem realidade para evitar contaminações e exige uma rotina para ser eficaz.

Segundo o professor João Luiz Amaro, presidente da Sociedade Brasileira de Urologia, seção São Paulo, “para as crianças, o fator educacional, ou seja, a compreensão não somente do problema vesical e das técnicas de cateterismo, é fundamental, pois poderá evitar as complicações, como infecções urinárias, decorrentes da bexiga neurogênica”

Na imagem, cenas da historinha!
Na imagem, cenas da historinha!

A cartilha “Juca  em uma Viagem pelo Aparelho Urinário” , cheia de desenhos explicativos, conta uma pequena história com uma aventura pela bexiga, bem loko! Kkkkkkkk É de graça, pode auxiliar professores, pais e até profissionais de saúde! Baixe clicando aqui ou no bozo! bozo

Blogs da Folha