Jairo Marques

Assim como você

 -

Jairo Marques, que é cadeirante, aborda aspectos da vida de pessoas com deficiência e de cidadania. Aqui, você encontra histórias de gente que, apesar de diferenças físicas, sensoriais, intelectuais ou de idade, vive de forma plena.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

Uma ilha de história

Por Jairo Marques

Meu povo querido, um dos atrativos maiores de uma visita à capital da Alemanha, Berlim, é seu farto acervo histórico que está guardado em dezenas de museus espetaculosos!

Fui em vários deles durante minhas “rodanças” e posso garantir que a acessibilidade é farta. Existem, inclusive, equipamentos voltados exclusivamente para o conforto dos “malacabados” durante as visitas.

Há, por exemplo fones de ouvido em altura mais baixa, para as exposições interativas, painéis de informação que se desprendem da parede para um cadeirante ou um anão manusearem, áudio-guias em diversas línguas, informações escritas de maneira farta.

Elevadores, rampas, acessos facilitados? É só procurar. Há em todos. Alguns bem inusitados, como pretendo mostrar em breve por aqui.

Outra grande facilidade que Berlim oferece para os “dificientes”, “véios” e pessoas com dificuldade de locomoção é que a cidade concentra, em uma ilha, a maior parte de seus museus.

Então, não é preciso fazer grandes deslocamentos para conhecer um pouco da história romana ou da egípcia ou da alemã ou seja lá o que “ceitudo” pretendam conhecer de pertinho.

Para terem um pouquinho mais de noção do que é essa ilha, gravei esse videozinho que segue abaixo…..

Beijos nas crianças!!!

[youtube 4PthBhXGhH8]

Blogs da Folha

Versão impressa

Publicidade
Publicidade
Publicidade